/* PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力: Canto do corvo

PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力

LES PRIVILÉGES DE SISYPHE - SISYPHUS'PRIVILEGES - LOS PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO - 風想像力 CONTRA CONTRE AGAINST MODERNISM Gegen Modernität CONTRA LA MODERNITÁ E FALSO CAVIARE SAIAM DA AUTOESTRADA FLY WITH WHOMEVER YOU CAN SORTEZ DE LA QUEUE Contra Tudo : De la Musique Avant Toute Chose: le Retour de la Poèsie comme Seule Connaissance ou La Solitude Extréme du Dandy Ibérique - Ensaios de uma Altermodernidade すべてに対して

2006-10-05

Canto do corvo

Os corvos não nadam em grandes lagos
nem em pequenos
desde Edgar Allen Poe que não aparecem na Phoesia
Os supermercados (ganda Igreja, meu) acham que não são aves poedeiras
como a solícita galinha colectiva
(BTW. William Shakespeare disse que éramos feitos
nós contempoorâneos de 5o por cento de galinha e hormona)
os corvos não tem farmácias nem dizem mamã
não tem ursinhos de peluche
e cagam nas autoestradas e depois saltitam
e não levam a sério a Ganda Missa (man) das Auto-estradas

os corvos são pretos
são todos pretos
tem um bico preto
tem uma língua preta
um grasnar mais preto que o preto
que soa a gargalhada daquele forçado que Rimbaud queria pôr
na Phoesia mas não conseguiu
Pum ! Rimbaud Pam! Verlaine

os corvos não sabem nada de Pinanças
mas sabem de Verme
e por isso não lavam os dentes com pastas de flúor
lavam-nos com enxofre alquímico
pois é


os corvos são muita snobs
tem imensos kkkkkkks mas não os escrevem
e sem kkkks nem porkês
voam rente à bermas desta nova língua morta. o português
e comem~lhe as tripas
à gargalhada
porque são pretos
voam preto
vivem no mais preto da língua
relâmpago obscuro como diz a f das ps da poesia



0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home