/* PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力: MUTAÇÃO PERIGOSA

PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力

LES PRIVILÉGES DE SISYPHE - SISYPHUS'PRIVILEGES - LOS PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO - 風想像力 CONTRA CONTRE AGAINST MODERNISM Gegen Modernität CONTRA LA MODERNITÁ E FALSO CAVIARE SAIAM DA AUTOESTRADA FLY WITH WHOMEVER YOU CAN SORTEZ DE LA QUEUE Contra Tudo : De la Musique Avant Toute Chose: le Retour de la Poèsie comme Seule Connaissance ou La Solitude Extréme du Dandy Ibérique - Ensaios de uma Altermodernidade すべてに対して

2007-01-29

MUTAÇÃO PERIGOSA

Deve haver um nome para a patologia da mudança contínua. Sócrates, o Cândido de serviço, anuncia que o aeroporto de Beja "vai mudar a face" do Alentejo.

Mas dá-se o caso de que a face do Alentejo não precisa de ser mudada . É bem linda tal como ela é. Provavelmente a mais bem conservada região do país e aquela que ainda é "natural". Para quê mudar o que está bem?

Por causa duma doença mental chamada "Mutatio paroxistica" e duma cegueira visual estética clamorosa, e duma incapacidade de ver para além dos números do economês.


2 Comments:

Blogger daniel said...

felizmente para o Alentejo, e infelizmente para o Algarve, esta mutação (genética, pois claro), extremamente grave, verifica-se consumir uma franja de população oriunda de zonas costeiras, e sobretudo próxima de Câmaras Municipais, Assembleias e Capitais, isto para não falar da alta incidência em dirigentes de empresas de betão armado e cimenteiras. Pede-se a toda a população que, em caso de suspeita, contacte imediatamente o seu médico geneticista para por toda a área afectada de quarentena (por perigo de contágio esporádico). A boa notícia é que a mutação não tem cura, e é letal.

9:32 da tarde  
Blogger Miguel Drummond de Castro said...

Podia-se quase formular a Lei da Autarquia de Goela Ávida:

A densidade do metro quadrado acimentado é directamente proporcional â Avidez da Goela Autárquica.

Há de facto mafias Autárquico-Cimenteiras empenhadas em dar cabo do país - já há centenas de milhares de fogos a mais - mas não se pára de construir.

As máquinas não desejantes proliferam muito, clonam, repetem~se, tiram cópias de si mesmas. Pior do que o virus do computador é o virus das cimenteiras/construtoras.

A aposta na fealdade, afinal, e na construção que induz depressão.

5:42 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home