/* PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力: CITAÇÕES DRUMMÓNIAS

PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力

LES PRIVILÉGES DE SISYPHE - SISYPHUS'PRIVILEGES - LOS PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO - 風想像力 CONTRA CONTRE AGAINST MODERNISM Gegen Modernität CONTRA LA MODERNITÁ E FALSO CAVIARE SAIAM DA AUTOESTRADA FLY WITH WHOMEVER YOU CAN SORTEZ DE LA QUEUE Contra Tudo : De la Musique Avant Toute Chose: le Retour de la Poèsie comme Seule Connaissance ou La Solitude Extréme du Dandy Ibérique - Ensaios de uma Altermodernidade すべてに対して

2008-01-24

CITAÇÕES DRUMMÓNIAS


encontro citações que nunca existiram

o nível de falsificabilidade de um autor é um teste à sua mestria

o estado, a polícia e a retórica exigem uma identidade imediata

as religiões pronunciam tanto a palavra "além" que artilham e apontam o "aqui" para essa órbita numinosa

uma pessoa que não precisasse nem de camisa nem de terapia, mesmo assim não seria feliz: teria que pagar impostos

a minha identidade não é o estado do mundo

depois de ler Wittgenstein pode-se viver num quarto branco com a certeza de que a mente foi reacesa por uma dúvida mais coerente

a mim interessa-me o estado nascente das pós-leituras: se uma pessoa sai de um livro vivo é porque não o leu

um bom jornalista é o que conseguiu ser escritor apesar dos colegas, das agências noticiosas, dos midias em geral e do patrão e - sobretudo - dos seus leitores

o público só existe para quem o inventa

as televisões caçam audiências - e tudo o mais lhes é secundário

um autor acessível? um mau autor certamente, do mesmo modo que um restaurante acessível é certamente mediano

não há autores difíceis, há é leitores difíceis, e um bom escritor começa por ser um leitor dificil de contentar

os portugueses são tutelados para permanecerem infantis, femininos ou masculinos, contidos num cliché

o triste e único papel de um português é produzir mais um português: daí que a paisagem mental nacional seja semelhante a um deserto igualitário

Portugal repete a Europa com um décalage de trinta anos e a isso chama modernidade


0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home