/* PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力: O PENSAMENTO GLO GLO

PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力

LES PRIVILÉGES DE SISYPHE - SISYPHUS'PRIVILEGES - LOS PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO - 風想像力 CONTRA CONTRE AGAINST MODERNISM Gegen Modernität CONTRA LA MODERNITÁ E FALSO CAVIARE SAIAM DA AUTOESTRADA FLY WITH WHOMEVER YOU CAN SORTEZ DE LA QUEUE Contra Tudo : De la Musique Avant Toute Chose: le Retour de la Poèsie comme Seule Connaissance ou La Solitude Extréme du Dandy Ibérique - Ensaios de uma Altermodernidade すべてに対して

2006-11-11

O PENSAMENTO GLO GLO


O presidente da República é o conselheiro espiritual das nossas pequenas, médias e grandes empresas, enfim sobretudo das médias, porque as grandes já tem os seus conselheiros próprios e por isso é que são grandes, e as pequenas, são uma galáxia desprezível, e só nominalmente vale a pena, para reconforto do nosso escuteiro e democrata exemplar interior, dar-lhe umas palmadinhas nas costas. Pois, pois! D.Sara Montes continue com a sua empresa de tapetes de Arraiolos feitos por 5 mongolóides de Sines, e também, ainda bem que o Banco finalmente percebeu a importância da compota caseira em Folhelhos, e Dona Brites agora com dinheiros da Europa tem uma pequena empresa exemplar (foto com as cinco empregadas todas de touca, bata de cirurgião e uma cara sorridente, completamente isenta de bactérias)

Enquanto conselheiro espiritual a tarefa do Presidente não é gizar estratégias de fundo, ver estatísticas, comparar mercados e públicos-alvo e todas essas tretas que fazem com que a vida fique parecida ao economês, outrossim, a sua tarefa é dar ânimo e traçar rumo.

Esta do traçar rumo, de resto tem traças. Não há político na cena portuguesa desde há dois mil anos que não apareça fulminantemente tracejante, traçando rumos. O homem de visão, com efeito, não só antevê o objectivo final, como avalia as possibilidades actuais e depois estica o braço, agarra o "traçador" e debruçado penosamente sobre o mapa, cheio de ilhéus caninamente perigosos, baixios, recifes, bancos de coral, obstáculos, barcos piratas, submarinos russos, corvetas holandesas em segunda mão mas ainda lixadas, e nervosos e agressivos transatlânticos americanos, traça o rumo. Admirável!

Além de apontar o objectivo, dados os avisos à navegação, ao Presidente agora compete fornecer o texto html próprio e as passwords necessárias para que a coisa seja cumprida com sucesso. Mais do que isso, convem dar à operação toda um carácter excepcional de desígnio nacional profundo, necessário e inevitável, senão se quer que tudo descambulhe, de rodas para o ar, a quilha adornada, e quais ratazanas, se vejam accionistas, e logo dos mais gordos, a fugir massivamente para a Suiça, rumo ao Líbano reconstruído.

É pois então necessário que surjam as passwords do oráculo, que se transcendem e transformam no mantra que terá que ser importado para dentro das cabeças executivas das médias empresas, que parecem afundadas na endemia depressiva nacional, incapazes de pensar para além das ilhas Berlengas ou dos limites do quarteirão. O traçador de rumo, Sua Excelência, encontrou a solução para todos os males dessa mentalidade caseira, hiperparoquiana, de merceeiro desconfiado e é este, tomem nota, por favor, o mantra que vai resolvê-lo:


PENSAR GLOBAL, AGIR GLOBAL!

Isto é a quintessência do Pensamento Glo Glo.

Por isso em breve se ouvirão os sargentos e bedéis do Socraquistão a berrar às hostes: Toca a pensar global, bairristas dum c.! E não menos a agir global.

Por exemplo, um fabricante de latas para Atum de Olhão, em vez de canalizar as suas latinhas todas para Loulé, numa indigna lógica empresarial hiper-caseira, própria da Dona Brites das compotas caseiras de Folhelhos, terá que pensar a Lata Global, e Agir a Lata Global. Ou seja terá que, pelo menos, nem que seja com traineiras de contrabando, colocar a sua lata em Marraquexe e em Israel. Uma vez conquistadas as praças fortes do Médio oriente, daí é um passinho para o Extremo Oriente, Xangai, Macao, Singapura...o Global é imenso.

Entretanto, podemos ir-nos preparando para o desaparecimento do Globo Terrestre e sua substituição pelo novo Global Terrestre de Sucesso. Isto é que é na verdade, Pensar Global e agir Global.O resto é paisagem.



PS E que dizer dos bloguistas encapotados sob anonimato, que cavilosamente nas suas cavernas pusilânimes rosnarão - Never trust Presidential Passwords! - essa espécie vil cuja evidente inaptidão para ocupar lugares-chavez e encher chouriço no jornal já foi evidenciada por sucessivas Eminências do colunismo atento e indignado, só merece o credito que se dá ao lixo digital. Peuf. Arredai-vos blogobactérias fedorentas, dos meus Narizes de conhecimento.



0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home