/* PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力: VIDA E OPINIÕES DE UMA PRINCESA MILHAFRE

PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO 反对 一 切 現代性に対して - 風想像力

LES PRIVILÉGES DE SISYPHE - SISYPHUS'PRIVILEGES - LOS PRIVILÉGIOS DE SÍSIFO - 風想像力 CONTRA CONTRE AGAINST MODERNISM Gegen Modernität CONTRA LA MODERNITÁ E FALSO CAVIARE SAIAM DA AUTOESTRADA FLY WITH WHOMEVER YOU CAN SORTEZ DE LA QUEUE Contra Tudo : De la Musique Avant Toute Chose: le Retour de la Poèsie comme Seule Connaissance ou La Solitude Extréme du Dandy Ibérique - Ensaios de uma Altermodernidade すべてに対して

2006-11-08

VIDA E OPINIÕES DE UMA PRINCESA MILHAFRE

A maior parte das pessoas é tonta. Ainda lê o tio Patinhas e vê o mundo através dos olhos da Madre Madrasta de Calcutá. Na realidade, abundam os escuteiros que ajudam as velhinhas a atravessar a rua sem se dar conta que as velhinhas são eles.
Há também a esplendorosa raça dos autarcas, pais da pátria em duas dimensões, recortados de fotografias da 1a República. E há mações e simulações do 33 grau do Rito Escocês.
Mas eu, Princesa Milhafre, descendente dos Sinclair, sei que todas essas organizações são treta.
A maior parte das pessoas vive apertada entre o seu epitáfio paupérrimo, que não terá, de resto, e uma família impossível, nuclear, mínima, que perdeu o sentido do clan.
Por cima dessas pessoas gira um círculo de abutres- banqueiros, construtores de habitações sociais, e engenheiros de opinião que inventaram estes palavrões espaços verdes, preliminares sexuais, empregadas domésticas, lares de terceira idade e infantários-
A maior parte das pessoas, que é estúpida, vota. Uma das razões porque somos governados por estúpidos é que na realidade em quem mais haveriam de votar os estúpidos e quem, entre os lúcidos, em boa verdade e lucidez, se submeteria a ser escolhido por estúpidos?
Essa maioria estúpida, é silenciosa e mete os seus pais idosos em lares da terceira idade (prisões onde os imobilizam e enxovalham), passeia convicta em espaços verdes sem reparar que está ladeado por árvores e roseiras escravas, plantados por robots-escravos e esqueceu que a natureza é uma fera indomável. Além disso, mete os filhos em capoeiras seleccionadas chamadas infantários onde se procede, com a benção do Estado, a um discreto e permanente infanticídio, que fabrica os cidadãos obedientes às bichas de amanhã e os convenientes autistas que prolongarão a rede de autoestradas a bordo dos seus egos em forma de automóvel.
Tendo uma maioria estúpida, defendida pelos seus missionários políticos, que admiração que o país seja estúpido de ponta a ponta, e esteja de olho bacoco e boca aberta de parvo, admirado perante um jogo de tontos como é o futebol?

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home